6 dicas impressionantes e truques para melhorar o som quando gravar seus vocais

gravação vocal

Você já tentou gravar sua própria voz em um estúdio?
Geralmente não soa nada como você pensou que seria a primeira vez que você ouve. Quase pode soar … ruim.
Você sabe que você soa bem e outras pessoas lhe disseram a mesma coisa.
Então, o que dá?
Não se preocupe. Assim como muitos cantores, você pode parecer horrível na primeira vez que você estúdio. Mas não é assim que tem que ser para sempre. Você pode melhorar significativamente o seu som através destas dicas e truques em melhores gravações vocais.

1. PREPARE ANTES DE GRAVAR

Não corra para a cabine vocal antes de estar pronto. Ficar em um estúdio prestes a gravar vocais pode ser muito intimidante para novos cantores. Então pratique muito antes de gravar.
Tente se registrar antes de ir ao estúdio e ouça de novo o que você gosta e corrija o que você não gosta. Estabeleça a chave certa e suavize qualquer dificuldade de alcance. Sua técnica vocal deve ser boa o suficiente para evitar perder tempo no estúdio com muitos takes e auto-tuning. Isso também significa que é melhor ter suas letras e melodia memorizadas, para que você não esteja se atrapalhando.

2. TÉCNICA DE MICROFONE

Sua preparação também deve incluir em pé na frente de um microfone. No estúdio, a distância entre o microfone e a boca permanece constante. Já que você estará relativamente parado enquanto grava sua música em um estúdio, será melhor se acostumar com isso antes. Cantores com pouca experiência por trás dos microfones fazem movimentos de cabeça inquietos, o que pode arruinar a gravação. Técnicas comuns de microfone são:

Controle de volume

Aproxime-se do microfone à medida que o volume se torna mais suave e mais distante à medida que o volume fica mais alto. Isso ajudará a nivelar as flutuações de volume, o que pode ajudar a reduzir a quantidade de compactação necessária posteriormente.

Evite Popping E Sibilance

Pronunciar palavras contendo P’s e B’s que produzem explosões extras de ar é conhecido como popping.
Sibilância é o assobio excessivo ao produzir os sons de S e F. Você não vai notar essas explosões extras de som na conversa diária, mas será dolorosamente óbvio em gravações. Ajustar o ângulo e a distância do microfone pode ajudar a reduzir os traços de estalo e sibilância.

Controle de Sons de Respiração

Girar a cabeça para o lado a cada respiração ajudará a evitar aqueles sons que precisam ser editados mais tarde.

3. SELECIONE O MICROFONE DIREITO 

Antes de começar a gravar, passe por um versículo usando diferentes microfones por vez.
Grave três faixas separadas sem alterar as configurações de EQ e volume e depois escute. Isso ajudará você a escolher qual é o microfone certo para você. Uma incompatibilidade de microfone pode distorcer a qualidade da sua voz. Combine a personalidade do microfone com a singularidade da sua voz para soar bem na gravação.

4. DÊ FORMA ÀS SUAS VOGAIS AO CANTAR

Moldar suas vogais permite que você dê mais emoção quando estiver cantando. Também permite que você use sua voz para fluir dentro da faixa do instrumento. As vogais são o som da sua voz, deixe as consoantes assumirem um papel secundário. Os bons cantores de estúdio sabem como moldar seus sons de vogais e usá-los para terminar suas palavras com mais caráter. 

5. COMUNIQUE-SE ATRAVÉS DA SUA MÚSICA

Enquanto você canta sua música, a letra deve se tornar sua própria comunicação.
Quer dizer o que você diz frase por frase – use emoção.
Seu fraseado deve estar relacionado à sua emoção e deve ser acreditável dentro do estilo da música. Transformar suas letras e emoções em uma gravação é importante para criar um estilo próprio que seja sentido pelos ouvintes. Isso também volta ao conforto no estúdio – não ficar nervoso e fazer o que você pode para evitar esses nervos (como memorizar suas músicas, praticar de antemão, etc).

6. ENTREGA DA CANÇÃO

Deixe a sua voz e emoção chegar através da sua gravação ao coração do seu ouvinte. Traga a mesma energia e credibilidade que você faria em uma apresentação ao vivo para criar um efeito emocional. Pode ser difícil no estúdio.
Mas para conseguir isso, imagine que você está cantando para alguém. Cante a música como se a pessoa estivesse na sua frente e as letras fossem direcionadas a elas. Conecte-se com o público ouvinte como você faria com uma audiência ao vivo. Vai brilhar na sua gravação.
Erros e falhas tornam-se mais visíveis após a gravação. Se você não gosta da maneira como soa, siga estas etapas e pratique mais. Não demorará muito para que você melhore seus vocais e vá em direção a se tornar um cantor profissional que pode criar uma ótima gravação em uma única cena. Você consegue!

LucasFS

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *